Juliano Cazarré será par de Paolla Oliveira na novela de Walcyr Carrasco

Juliano Cazarré, o Adauto de “Avenida Brasil”, voltará à TV na novela de Walcyr Carrasco em um papel de destaque. Ele será um mochileiro por quem a personagem de Paolla Oliveira se apaixonará logo nos primeiros capítulos da história.

Patrícia Kogut

Nova novela das 21h enfrenta crise de elenco

Com estreia programada inicialmente para maio, “Em Nome do Pai” (título provisório), próxima novela das 21h da Globo, enfrenta uma crise em seus bastidores.

Como o folhetim de Walcyr Carrasco será ambientado em São Paulo, o diretor da produção, Wolf Maya, optou por escalar muitos atores paulistas, alguns deles rostos novos na TV.

Boa parte do elenco saiu da própria escola de atores de Wolf na cidade.

O problema é que os artistas paulistas escolhidos por Wolf precisariam de hospedagem e alimentação no Rio, onde acontecem as gravações.

Como o número de pessoas é grande, a Globo decidiu cortar o benefício, que sempre é concedido aos atores e autores famosos que residem em São Paulo.

Ou seja, a maioria dos paulistas que quiser fazer a novela terá de arcar com as despesas de hospedagem, transporte e alimentação.

A reclamação foi geral, e os contratos desses novos atores ainda não foram assinados. Além desse impasse, a novela não tem locações escolhidas em São Paulo.

Com isso, a estreia pode ser adiada, estendendo a temporada de “Salve Jorge”. Procurada, a Globo diz que o cronograma da novela está dentro do previsto, assim como a escalação dos atores do Rio e de São Paulo.

Vanessa Giácomo fica com papel que seria de Leandra Leal em novela

Vanessa Giacomo estará na novela “Em Nome do Pai”. A trama de Walcyr Carrasco será a próxima a ocupar a vaga das 21h na Globo.

A atriz foi escolhida para substituir Leandra Leal, que não vai mais participar da produção.

Outra que vai desfalcar o folhetim é Ingrid Guimarães, que pediu para se desligar do elenco.

Ela viveria uma das filha de Elizabeth Savalla no folhetim. A vaga continua em aberto na emissora.

A informação é da coluna Outro Canal

Novela de Walcyr Carrasco discutirá erros médicos e adoção por homossexuais

A coluna já havia adiantado que a próxima novela das nove seria ambientada num hospital. Agora, mais um pouco sobre a trama escrita por Walcyr Carrasco se revela. Uma das tramas paralelas discutirá erros médicos, tão comuns nos dias de hoje. Um dos casos abordados envolverá um médico que vai tirar o órgão errado de uma paciente por despreparo de uma colega enfermeira.

O elenco ainda está longe de ser fechado e testes estão em curso, mas já podem ser confirmados os nomes de Antonio Fagundes, Paola Oliveira, Malvino Salvador, Leona Cavalli, Fabiana Karla, Rosamaria Murtinho, Nathalia Thimberg, Cássia Kiss, Fulvio Stefanini, Elizabeth Savalla, Anderson Di Rizzi, Paulo Vilhena, Ingrid Guimarães, Rodrigo Andrade, Giovana Lancelotti e Bárbara Paz. Outras que devem ser confirmadas nos próximos dias são Susana Vieira e Nívea Stelmann.

A Fagundes caberá o papel de dono do hospital, que será disputado por dois irmãos – um deles papel de Paolla Oliveira, a vilã da história. Haverá ainda uma disputa por uma criança, abandonada pela mãe e criada por um rapaz solteiro e assumidamente homossexual.

A previsão é que a trama estreie entre maio e junho do próximo ano.

iG

Novela de Walcyr Carrasco tem prioridade na guerra acirrada por elenco

A guerra por elencos na Globo está cada vez mais acirrada, mas há, pelo menos uma regra em vigor. A novela de Walcyr Carrasco, das 21h, tem prioridade. Na disputa ainda, “O Caribe é aqui”, “Saramandaia”, “O Pequeno Buda” e “Sangue bom”.

Patrícia Kogut